Momento literário

“Não há remédio que cure o que a felicidade não cura.”

Citação do livro “Do amor e outros demônios” do M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O Gabriel García Marquez (foto).

A definição de felicidade difere de pessoa para pessoa. Eu, particularmente, acredito que a felicidade não exista. O que existe são os momentos felizes e de fato estes tem poder de cura, mesmo que seja só pelo tempo que ele durou!

Falei bobeira?

Diz aí o que vocês acham!

A foto é daqui

@marigscola

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

"Um simples cérebro, sendo bem mais longo do que o céu, pode acomodar confortavelmente o intelecto de um homem de bem e o resto do mundo, lado a lado." Emily Dickinson
"Deve-se ler pouco e reler muito. Há uns poucos livros totais, três ou quatro, que nos salvam ou que nos perdem. É preciso relê-los, sempre e sempre, com obtusa pertinácia. E, no entanto, o leitor se desgasta, se esvai, em milhares de livros mais áridos do que três desertos." Nelson Rodrigues
"Cada um pense o quiser e diga o que pensa" Espinosa
"O animal satisfeito dorme" Guimarães Rosa
%d blogueiros gostam disto: